Home Mundo GeekArte Geek Carta de amor para El Hazard!

Carta de amor para El Hazard!

by Wagner Alves Santa Rita
0 Comentário 92 Visualizações

Ah El Hazard.., sinto sempre um frescor de alegria só de lembrar desse anime, tão pouco conhecido mas tão incrível! Junto com Tengen Toppa Gurren Lagann, são os meus dois animes favoritos, e nesse post vou falar um pouco sobre o porquê, e quem sabe não desperte a vontade em você de assistir essa Pérola Rara!

O Magnífico Mundo de El Hazard!

Lançada primeiro como uma série OVA em 1995, a série de TV foi produzida pela Pioneer e AIC, que também tinham feito Tenchi Muyo, e ambos animes tinham chegado ao Brasil para serem transmitidos no Band Kids, junto com diversos outros títulos da época.

História

Não quero falar muito da história para não estragar muito a experiência para você, caso fique com vontade de ver, mas basicamente tudo começa com Makoto Mihzuhara, um estudante fanático por ciências, que constrói uma máquina sem função específica, para a feira de ciências do colégio.

Só que graças ao seu arqui-rival, Kazuhiro Jinnai (que tem uma das risadas mais engraçadas que já vi em animes), ter sabotado a máquina de Makoto, acontece um acidente e ambos, Makoto e Jinnai, e além deles Nanami (irmã de Jinnai) e o Professor Fujisawa, são magicamente teleportados para um mundo desconhecido e fantástico.

E lá onde eles conhecem deusas, princesas, seres de todos os tipos, e, aproveitando que cada um dos quatro ganharam poderes especiais nesse mundo, eles precisarão ajudar os habitantes daquele lugar e salvar o mundo de uma “poderosa ameaça”.

Diferenças entre a série de TV e o OVA

Basicamente as duas tem a mesma história, mas a Ifurita, personagem central de toda a história, é a que tem as maiores diferenças entre as versões. Além de mudança visual, a personalidade dela é um pouco diferente em cada versão. Mas ambas são legais, e caso você assista às duas versões, capaz de você acabar gostando das duas, por motivos diferentes.

Mas depois dessa série de TV, eles ainda produziram mais duas continuações em OVA, além de mangás e diversos outros produtos.

Personagens

Eu não vou falar de todos os personagens da série aqui, só gostaria de falar um pouco dos que mais gosto pelo menos, afinal, para mim o forte do anime não é tanto a história, mas sim os personagens e suas relações e interações.

Makoto Mizuhara: Eu gosto do Makoto como personagem principal. Ele é muito curioso e corajoso, mas também tem muita empatia com os próximos, desconhecidos, e até com rivais.

Três Deusas Elementais: Shayla Shayla (fogo), Afura Marn (vento) e Miz Mishtal (água). Um dos destaques para mim do desenho, pois cada uma tem uma personalidade baseada no seu elemento, onde a Shayla Shayla é energética, inconsequente, e gosta de uma boa briga, a Afura já sendo mais calma e sensata, e a Miz sendo a líder das três, e que apesar de parecer tranquila, ela tem pouca paciência e pode ser bastante explosiva.

Alielle: Apesar de ser somente a guia deles, não menospreze a Alielle, ela pode ser um pouco atrapalhada, mas tem um coração enorme e sempre sabe o caminho certo a se seguir.

Ifurita: Eu gosto das duas versões da Ifurita, cada uma tem suas qualidades e seus objetivos, e possivelmente ela vai ser o fator de diferença para quem assiste o anime. Caso goste dela, tem grandes chances que ser um dos seus animes favoritos, mas caso não goste dela, é capaz de largar o anime nos primeiros episódios.

Professor Fujisawa: Meu personagem favorito! Ele pode parecer simples, mas gosto muito do fato dele ser um professor que está sempre tentando ajudar seus alunos, mas com dificuldades até de cuidar dele mesmo (lembrando um pouco até o Onizuka, de GTO), pois é viciado em bebidas, e até seu poder tem a ver com isso, pois quando ele fica são, ele ganha uma força incomparável, o problema e conseguir manter ele são por muito tempo, hahaha.

O Mundo de El Hazard

Eu acho o mundo um dos personagens da história mais importante e interessante. Além de um mundo diverso e rico em diferentes raças, culturas e costumes, cada um com suas qualidades e defeitos, ele ainda me passa um pouco a sensação do mundo árabe de Aladdin (meu filme favorito da Disney), principalmente pela estética das cidades e construções.

Música

E claro que não podia terminar o post sem mostrar a abertura em português, uma das músicas mais bonitas de anime daquela época!

E é isso, recomendo muito assistir à El Hazard, seja a versão da TV, a de OVA, ou mesmo o mangá, caso você prefira. O mangá veio pela JBC, mas o anime não está nem na Funimation, nem na Crunchyroll, mas você consegue achar facilmente na internet.

E se você chegou a assistir ele também na época da Band, diga para a gente, aqui nos comentários, se você gostava dele, ou se gostava de outros daquela época, como Bucky, Tenchi Muyo, Slayers ou Shurato!

E se não é inscrito em nosso canal se inscreva aqui, e siga nossas redes sociais e assine nosso NEWSLETTER para ficar por dentro dos próximos posts.

Postagens Relacionadas

Deixe um Comentário